MCA Blog
Poupar água
Sustentabilidade

Poupe água e ajude o planeta (e a sua carteira)

11 Feb 2024 | 5min leitura

A água é um recurso precioso e essencial para a sobrevivência humana, no entanto é algo que muitas vezes damos por garantido no mundo moderno.

Com o aumento da urbanização e do crescimento populacional, a pressão sobre os recursos hídricos tem aumentado, agravada pelas alterações climáticas. A conscientização pública sobre este problema está a crescer, mas ainda há um longo caminho a percorrer e mudanças necessárias nas políticas de água para gerir melhor os nossos recursos hídricos.

Desafios da Seca e Escassez

Portugal tem testemunhado um declínio na disponibilidade de água, com reduções estimadas em 20% nas últimas duas décadas. As secas tornaram-se mais frequentes e intensas, contribuindo para a escassez de água potável e afetando todos os seus beneficiários, especialmente a agricultura, que é o maior consumidor de água no país.

O aquecimento global amplia o risco de secas severas, tornando o desperdício de água uma preocupação crítica para a sustentabilidade dos recursos hídricos.

Os governos e as empresas são importantes para impulsionar mudanças na gestão da água, no entanto, como indivíduos, podemos fazer a diferença sendo mais cuidadosos sobre como usamos a água em casa. Implementar sistemas eficientes de utilização de água e adotar comportamentos que reduzam desperdícios são etapas fundamentais na promoção da sustentabilidade hídrica.

O compromisso com a preservação da água reflete-se também na escolha de tecnologias e dispositivos que auxiliam na economia de água, revelando-se tanto uma opção inteligente como necessária para a proteção dos ecossistemas e para o bem-estar humano.

Uma estimativa das Nações Unidas aponta que um indivíduo necessita de aproximadamente 110 litros de água por dia para satisfazer suas necessidades básicas. Num contexto onde a escassez de água é uma preocupação crescente e o consumo de água potável tem um incremento anual de cerca de 1%, torna-se imperativo praticar o uso responsável desse recurso limitado.

Segundo a EPAL, empresa responsável pelo abastecimento de água em Lisboa e arredores, cerca de 60% do consumo doméstico de água destina-se à higiene pessoal. É nesses aspectos do dia a dia que devemos focar nossa atenção, no entanto há várias medidas simples e alterações mínimas no comportamento dentro de nossas casas, que podem resultar em economia significativa de água.

Como posso poupar água em casa?

Na cozinha

  • Cubra as panelas com uma tampa para reduzir a quantidade de água perdida, isso também ajudará a cozinhar a sua comida mais rapidamente. Cozinhar a vapor é também uma maneira mais saudável de cozinhar, pois retém mais nutrientes.
  • Ao fazer uma chávena de chá ou café, certifique-se de encher a chaleira apenas com a água necessária, isso economizará água e energia.
  • Use sempre cargas completas ao carregar a máquina de lavar roupa para economizar em lavagens desnecessárias. A maioria das pessoas não enche a máquina até a capacidade máxima, por isso da próxima vez que estiver a lavar roupa, coloque algumas t-shirts extras e tire o máximo proveito da sua lavagem.
  • Lave a loiça na máquina e não no lava-loiças. Algumas torneiras podem chegar a deitar 15 litros por minuto e segundo um estudo da Universidade de Michigan, uma lavagem na máquina consome metade de água de uma lavagem no lava-loiças.

Na casa de banho

  • Certifique-se de fechar a torneira ao escovar os dentes – não o fazendo pode desperdiçar até cerca de 6 litros de água por minuto.
  • Coloque um dispositivo de cisterna de descarga dupla na sua retrete para reduzir o volume de água usado em cada descarga. Este tipo de equipamento permite que escolha a quantidade de água a ser utilizada em cada descarga. Ao utilizar um volume menor de água para lavar a retrete, pode reduzir drasticamente o consumo anual de água e contribuir para a proteção deste valioso recurso natural.
  • Tome um duche em vez de um banho e tenha cuidado com quanto tempo passa no banheira, não se perca a cantar no chuveiro e deixe o espetáculo para um bar de karaoke.

No jardim

  • Aproveite ao máximo a água que tem e apanhe água da chuva. A instalação de um depósito de água economizará o trabalho de ter que ligar a torneira. Se possível, também pode economizar água regando as suas plantas com regadores em vez de usar uma mangueira. Uma mangueira usa 1.000 litros de água por hora.
  • Faça jardinagem na hora certa do dia. A melhor hora do dia para regar plantas ao ar livre é de manhã cedo ou no final do dia para evitar que a água evapore imediatamente sob a luz solar.

Image by storyset on Freepik

Este site utiliza cookies. Ao utilizar este site está a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de Cookies .

Este website está registado em wpml.org como um website de desenvolvimento.